sexta-feira, junho 12, 2015

UM DIA NA MATERNIDADE PERPÉTUO SOCORRO...





LEMBRANÇAS DOS MOMENTOS VIVIDOS POR MIM...
 EM 18.11.2003  - Jequié/Ba.

Internamento de minha mãe no Hospital Perpétuo Socorro.    
    Minha mãe nunca deixou nada interferir em seu amor por Deus. É   um amor que flui e que faz esperar com toda dignidade os             desígnios de Deus sobre ela. Tem esperança e fortaleza.
    Minha mãe é a manifestação  espontânea da compreensão e consideração  pelas necessidades alheias. Ela é livre de interesses excessivos e sabe discernir sobre o melhor caminho e os meios mais corretos  para percorrê-los.
    Minha mãe é liberal porque respeita seu semelhante em seus direitos, sempre ajudando os fracos e socorrendo os aflitos.
    Minha mãe acredita que se louva a Deus, não só pela oração, porém, pelos atos e que a verdadeira fé se manifesta através do amor e da dedicação do espírito de cada um em manter a fé acesa.

19.11.2003
Minha mãe é a doçura de Maria Santíssima, Nossa Senhora Mãe de Deus e Mãe de Jesus. Minha mãe recebe as graças da Mãe de Deus e as imprime nos corações de seus filhos, parentes e amigos para que eles amem cada vez mais  esta Mulher ímpar e bem-aventurada e que  lhe ensinou em sonhos a rezar e a meditar o Rosário de Ouro,brilhante como o Sol.
Minha mãe, minha doce amiga, que nunca me faltou e minhas necessidades, nas minhas horas de angústia. Até em meus pensamentos, ela sempre esteve presente me auxiliando. E como foi constante em toda a minha vida. E é!
Minha mãezinha,  espero tanto de você, mesmo depois, junto de Deus que a senhora jamais se esqueça dessa sua filha e jamais me abandone, pois sempre, sempre precisarei da senhora, por toda a minha existência.
Minha mãe siga o seu destino com todas as bênçãos de Deus, Jesus e Maria Santíssima e que o Espírito Santo seja sempre a sua luz. E que esta luz nunca se apague.
Que sai bênção me acompanhe e a todos os seus filhos, netos e bisnetos e todos aqueles que a senhora ama.
     
ESTAS FORAM PALAVRAS SENTIDAS NOS DIAS EM QUE COMEÇOU A FINALIZAÇÃO DA VIDA DE MINHA MÃE... E ASSIM FICOU ATÉ 28 DE MARÇO DE 2004, QUANDO FOI EMBORA E NOS DEIXOU PARA SEMPRE, MAS NUNCA EM NOSSOS CORAÇÕES E PENSAMENTOS.


Postar um comentário