sexta-feira, abril 17, 2015

MEU PAI HOMENAGEADO NA TABERNA DA HISTÓRIA DO SERTÃO BAIANO


Agradeço ao autor do site esta homenagem sobre meu pai, Luis Fernandes de Vitória da Conquista/BA.


De Jequié

Antônio Astolpho dos Santos


Antônio Astolfo no consultório da Silva Jardim em Jequié. Décadas de 40 e 50
Antônio Astolpho no consultório da Silva Jardim em Jequié na década de 40
O médico Antônio Astolpho dos Santos nasceu no dia 9 de abril de 1910 em Salvador. Estudou o curso primário no colégio da professora Isaura Guedes; iniciou o secundário no Colégio Ipiranga e o terminou no Colégio Carneiro Ribeiro, por ser, na época, um dos mais conceituados. Porém, aos 14 anos de idade ficou órfão de pai e teve de fazer concurso público para o Telégrafo Nacional, já que era arrimo de família, sendo aprovado em 8º lugar entre 200 candidatos.
Antônio Astolfo, aos 20 anos de idade, quando trabalhava nos Correios
Antônio Astolpho, aos 20 anos de idade, quando trabalhava nos Correios
Conhecera Dona Zenóbia, filha de José Rebouças (Juca), em Santa Inês (BA), ocasião em que fora trabalhar no telégrafo daquela cidade. Casou-se com ela em 26 de dezembro de 1934. Já casado e com três filhos, formou-se em Medicina no dia 29 de dezembro de 1942.
Antônio Astolfo quando era tenente-médico do Exército (CPOR) 30.06.1945
Antônio Astolpho quando era tenente-médico do Exército (CPOR) 30.06.1945
Fez o CPOR (Centro de Preparação de Oficiais de Reserva) como aspirante a oficial-médico de onde saiu como 1º Tenente-Médico de 2ª Linha do Exército Brasileiro em 1943. Em seguida, montou consultório na Rua Silva Jardim, em Jequié, no final de 1943.
Casamento de Antônio Astolpho e Zenóbia em 1934, na casa de Juca e Adelina, em Jequié
Casamento de Antônio Astolpho e Zenóbia em 1934, na casa de Juca e Adelina, em Jequié
Enquanto sua casa era construída na Rua Nestor Ribeiro, fixou residência na Rua Trecchina, na Praça Castro Alves. Como médico chegou a atender artistas de circo e de teatro que se apresentaram em Jequié naquela época, a exemplo de Procópio Ferreira.
Antônio Astolfo dos Santos e família - 1952
Antônio Astolpho dos Santos e família – 1952
Astolpho construiu e fundou em Jequié a Associação Regional de Medicina, na esquina das Ruas 15 de Novembro e Apolinário Peleteiro, chegando, inclusive, a organizar o 1º Congresso Regional de Medicina em Jequié.
1º Congresso de Medicina em Jequié em 1958, organizado pelo médico Antônio Astolfo, na época presidente da Associação Regional de Medicina de Jequié
1º Congresso de Medicina em Jequié em 1958, organizado pelo médico Antônio Astolpho, na época presidente da Associação Regional de Medicina de Jequié
Trabalhou também no FUNRURAL e na Maternidade Perpétuo Socorro, a convite do médico Mariotti. Em 1971 montou outro consultório num edifício na 2 de Julho.
Inauguração do consultório no edifício na 2 de Julho em 1971
Inauguração do consultório no edifício na 2 de Julho em 1971
Antônio Astolpho faleceu no dia 25 de novembro de 1980.

Postar um comentário