segunda-feira, junho 09, 2014

SERÁ QUE EXISTE MANDAMENTOS DA FELICIDADE?

Quem não quer ser feliz?

​Muitas vezes, não depende só da gente a felicidade e sim daqueles que convivemos.(IÓ)


Então qual é o segredo? Por que a prosperidade e a felicidade chegam para uns e não para outros?
É necessário aprender a se conhecer melhor e identificar qualidades e defeitos, como são as reações em determinadas situações e onde é possível melhorar. Existe uma infinidade de atitudes que, muitas vezes, deixamos de lado e não percebemos que contribuem para afastar nossa felicidade.
Creia, você é o único responsável pela sua imagem e, através de ações simples, você pode até mudar o rumo da sua vida. Basta treinar! Veja alguns mandamentos da felicidade que podem ajudar a mudar sua vida.
Ame
Não me refiro apenas ao amor entre homem e mulher ou entre pais e filhos. Mais do que isso, é o amor a todos os próximos: pessoas, animais, à natureza em geral. Parece que nos dias atuais este sentimento está meio esquecido, banalizado. Um casal não pode afirmar que existe amor se convive em clima de brigas e rupturas constantes. Tente ser feliz ao menos um pouco, todos os dias.
É ilusão achar que vai ser feliz amanhã ou no futuro, quando vier o aumento esperado, quando as contas estiverem todas pagas, quando a aposentadoria chegar... Novos desafios sempre surgirão. Não seja egoísta e individualista, dê a mão... Pratique o amor sempre!
Aceite
Aceite os outros do jeito como são. Assim como você, são pessoas únicas. Não aceitá-los pode resultar em atritos, raiva, e até em separação. Antes de criticar, primeiro olhe para os seus defeitinhos.
Sorria
Quando rimos há um desdobramento de nossa aura. Todos gostamos de conviver com pessoas sorridentes, bem humoradas, alto astrais. Se gostamos de estar perto de pessoas alegres, o mesmo vale para atrairmos os outros. Fale sorrindo, até mesmo pelo telefone. Você vai notar que a batalha do dia-a-dia não será tão dura quanto parece. A pessoa bem humorada consegue resolver com mais facilidade seus problemas, pois supera logo os momentos ruins.
Além disso, consegue emanar uma energia positiva nos ambientes em que se encontra. Aprenda a acordar de bom humor, diga “bom dia” com aquela vontade de que o seu dia seja maravilhoso.
Pense positivo
A medicina já provou que as pessoas otimistas vivem muito mais e melhor. Quem pensa positivo consegue superar mais facilmente os problemas, pois sabe que cedo ou tarde conseguirá o que quer. Assim não se estressa.
Pare de reclamar
Quem gosta de ficar perto de alguém que só reclama? Ninguém tem vocação para “muro das lamentações”, pois já tem problemas suficientes para ouvir os alheios. Além disso, quem reclama atrai todas as energias negativas do ambiente, pois fica indefesa, sem luz própria. Assim, além de não chegar a lugar algum, fica cada vez mais “carregada”. Quem quer construir alguma coisa vai à luta, não fica reclamando.
Brinque com as crianças
Estar perto de crianças, brincar com elas, ouvir o que dizem, é estar perto dos anjos. As crianças irradiam um sentimento sincero, puro e, quando amam, amam de verdade. Deve-se aprender com elas a recuperar a espontaneidade e a capacidade de divertir-se.
Cante e dance
A sabedoria popular já diz que “quem canta seus males espanta”. E não é para menos: quando se está contente é comum sair cantarolando pela casa, no chuveiro ou mesmo no trabalho. Isso levanta ainda mais o astral. Se estiver triste comece a cantar, saia para dançar, solte sua energia. Você vai se sentir bem melhor.
Abrace
Crie o hábito de abraçar fortemente as pessoas queridas, como parentes, filhos, amigos. No momento de um abraço sincero, há uma troca de energias e, de forma inconsciente, a pessoa abraçada capta o bom sentimento e o devolve, de forma simbólica, com a retribuição ao abraço.
Um outro hábito que faz muito bem é exteriorizar seu amor ao próximo, dizendo “eu te amo”. Não apenas para a pessoa amada, mas para os pais e filhos, principalmente. Quebre barreiras e fortaleça os laços. Se não consegue dizer pessoalmente, escreva.
Reze
A oração é a melhor forma de comunicação com Deus. Quem ora com bastante fé adquire mais autoconfiança para ir atrás dos seus desejos. Jamais duvide do poder da oração. Crie tempo para recarregar as baterias através da espiritualização, da meditação, da fé e da oração. É neste momento que, muitas vezes, surgem as saídas para as aflições.
Ajude
Ajudar os parentes, amigos e desconhecidos é um ato de amor. A ajuda pode ser um conselho, uma palavra, um gesto, uma atitude e até mesmo em dinheiro. Um ato de atenção para com um desconhecido gera uma força surpreendente capaz de abrir os nossos caminhos. O retorno só pode ser bom.
Abrace uma causa social. Você vai se sentir muito orgulhoso.
Perdoe
Pedir perdão é um ato humano e perdoar é divino. Guardar mágoas é alojar no coração um sentimento tão ruim pelas pessoas que rouba o espaço do amor. Há quem vive remoendo fatos ocorridos há tanto tempo que se esquece de viver a realidade. Fomos criados para evoluir. Cada um tem o livre arbítrio de aprender as lições da vida pela dor ou pelo amor.
Reconheça
Elogie atitudes ou o trabalho de quem convive com você. Crie o hábito de reconhecer o talento de cada um, pois no momento do elogio há uma troca de energias positivas. Parabenize pelas suas conquistas, nas datas especiais e festivas. Isso reforça o carinho que sente por elas.
Organize-se
Manter suas coisas organizadas, como objetos, papéis, roupas, é sinal de vida organizada.
Deseje
Tenha objetivos, imagine aquilo que você quer e vá a luta. A acomodação mata o indivíduo lentamente. Quem deixa de ter uma meta na vida fica estagnado, chato e sem energia. Não deixe nunca de sonhar…
Ame-se
Seja generoso com você. Ninguém é perfeito. Valorize algo de bom em você e admire-se ao máximo. Deixe que surjam sentimentos de amor por si mesmo. Se não, como poderá amar ao próximo? Valorize-se e respeite as suas fraquezas e fragilidades.
Agradeça
Todos os dias... por estar vivo, pelo que é, possui ou gostaria de conquistar. Pense positivo, segure firme as rédeas da sua vida e viva mais feliz!
By Marlene Heuser.(É psicóloga)






Postar um comentário