quarta-feira, setembro 26, 2012

É PENA, MAS A IGNORÂNCIA POLÍTICA IMPERA




A FALTA DE VISÃO POLÍTICA DE MUITAS PESSOAS DA ELITE, DA CLASSE A, IMPERA NO BRASIL.
PRINCIPALMENTE NOS ESTADOS EM QUE O CORONELISMO ACABOU OU ÀQUELES QUE AINDA SENTEM A FALTA DA DITADURA MILITAR,SENTEM FALTA DO CABRESTO!

Em minha ignorância política, costumo ver que muitas pessoas não têm sequer um objetivo político ao afirmar expressões que denigrem não só o status político daqueles que os oponentes não gostam, mas até da pessoa física. Chamam sem mais nem menos alguns membros do PT, no caso Lula e a presidenta Dilma, de “coitada”, de “sapo”, de “analfabeto”,"SAFADO" coisas assim  por não entenderem ou não conseguirem ser democratas o suficiente ou estarem bem no sua posição de meros espectadores visto que também não fazem nada para mudar o que entendem como ser “politicamente corretos.” Uns se põem na defesa da volta ao coronelismo, outros na volta da ditadura militar (pasmem!) não por ser o melhor para o Brasil, mas para a sua comodidade em não trabalhar politicamente  e sim em ficar deitados em berço esplêndido e deixarem  por conta dos coronéis e ditadores  os destinos do Brasil e de seus súditos que obrigavam aos agricultores, negros  e pobres a se manterem longe do governo menosprezando a inteligência das pessoas. Os nobres amigos questionadores e críticos do governo atual  ficam de lá de suas poltronas em frente ao computado só mandando ferrenhas palavras e frases como se o que fazem é que vai mudar os rumos do Brasil. Dizem que não são racistas, “ que gostam até dos negros, dos índios, dos analfabetos mas eles lá e nós cá” o que é um racismo elitista. Eles pensam que pensando assim fica cada qual no seu lugar e tudo volta ser como “d’antes na terra de Abrantes”. É uma falta de respeito aos governantes só porque eles não têm o status da dita classe A. Assim ou assado temos que respeitar quem está no poder Executivo, Legislativo e Administrativo, pois eles estão lá porque assim o povo quis. Independente da classe social que o elegeram, porém o ódio impera nos corações e mentes das pessoas que não concordam com o governo, não porque é o governo, mas simplesmente porque é do PT. 

Em minha ótica que falta é ter uma postura autocrítica e buscar a compreensão por meio da solidariedade, que é colocar-se no lugar do outro.
Se você não concorda com as colocações da classe, dita A, não é tão diferente assim, pois quando você não faz parte de determinado grupo, você será tachada de tudo que é ruim, mesmo que haja falsidade ou que você nem fique sabendo.
Diante das atrocidades causadas pela ditadura militar e de outros governos neoliberais e da acirrada crítica de uma velha e obsoleta mídia, como a Revista VEJA entre outras que tapam os olhos para não verem que centenas de vidas inocentes foram ceifadas lutando por um país melhor e diante da censura imposta à liberdade de imprensa verdadeira, hoje sabemos que este período foi uma mancha negra na história do Brasil, mas que infelizmente pessoas querem a volta dele pois não aceitam a valorização das massas menos favorecidas, o crescimento de um Brasil Agrário, nem de um Brasil sem preconceito.


Postar um comentário